Alma de Gato

Saiba-Tudo-Sobre-a-Alma-de-gato

Conhecido pelas sua bela e longa cauda e, principalmente, por conta de seu canto peculiar que lembra o miado de um gato, o alma-de-gato é uma ave curiosa presente em todo o território brasileiro.

Graças aos seus hábitos peculiares, este é um pássaro que não é tão fácil de ser avistado e é rodeado por uma lenda que o relaciona ao mau agouro.

Você ficou curioso (a) para conhecer um pouco mais sobre o alma-de-gato? Então, é só iniciar leitura no texto abaixo. Confira!

A lenda sobre o pássaro
Foto: Alessandro Abdala.

Qual o significado do nome alma-de-gato?

O que mais chama atenção, ao ouvir falar dessa ave, é o seu nome diferente.

Mas porque este pássaro é chamado de alma-de-gato?

Nesse sentido, o nome científico da ave é piaya cayana, mas ele é mais conhecido por alma-de-gato.

Porém, dependendo da região do Brasil onde você se encontra, poderá ouvir alguém fazer referência a esta ave com outros nomes, como:

  • alma-de-caboclo, atiaçu, maria-caraíba, alma-perdida, rabo-de-escrivão, rabo-de-palha, entre outros nomes, que mudam conforme a região.

Vale situar que o nome alma-de-gato está relacionado ao seu canto, que se parece muito com o gemido de um gato, mas também foram os seus hábitos alimentares e a sua personalidade única ajudaram a denominar assim esta ave.

Em inglês, o pássaro se chama “squirrel cuckoo”, que significa literalmente “cuco-esquilo”.

Este nome em inglês, deriva do hábito que o pássaro possui de percorrer de galho em galho, como se fosse um esquilo.

Já em espanhol, o alma-de-gato chama-se “bobo chizo”.

Esta é uma ave que não costuma ser muito vista e que tem o costume de assaltar os ninhos de outros pássaros e, até mesmo, comer seus filhotes, como se fosse um felino.

Qual o habitat natural do pássaro

Qual o habitat natural do pássaro

Apesar de serem difíceis de serem avistadas, por conta de seus hábitos peculiares, podemos encontrar a ave, sozinhas ou em casal, na Argentina, no México e, principalmente, no Brasil.

Em nosso país, a ave pode ser observada em todas as regiões.

Este pássaro pode ser encontrada em matas fechadas, parques e até em bairros arborizados das grandes cidades.

O alma-de-gato costuma andar sozinho ou em pares, possuindo o hábito de planar, inclusive esta ave tem mais de duas caldas.

As caldas ficam localizadas uma na parte externa e outra na interna, assim para conseguir voar a ave precisa abrir a asa interna que geralmente é listrada e, em contrapartida, a cauda parece aumentar. O que termina por colaborar para a ave conseguir planar com facilidade.

Características do alma-de-gato

Características do alma-de-gato

O alma-de-gato é da família cuculidae, ou seja, pertence à família dos cucos.

Esta espécie de pássaro possui aproximadamente 50 centímetros (considerando a sua cauda) e suas principais características são o seu canto, sua grande cauda e seus hábitos diferenciados.

Sua plumagem possui um tom de ferrugem na parte superior, um tom de cinza em seu peito e cauda escura, com as pontas esbranquiçadas. Seu bico é amarelado e a íris é vermelha.

A cauda da ave a torna inconfundível, uma vez que poucas espécies possuem uma cauda tão longa.

Na Amazônia podemos encontrar espécies de chincoã que também possuem grandes caudas, porém, são bem menores em tamanho.

O macho e a fêmea possuem características iguais em sua aparência, ou seja, não foi identificado até o presente momento o dimorfismo sexual nesta espécie de pássaro.

Reprodução

O período reprodutivo da ave começa na primavera, quando o alma-de-gato canta muito durante todo o dia.

Para se acasalar, o macho costuma presentear a fêmea com uma lagarta. Este hábito é como se fosse uma prova dele ser capaz de sustentar e cuidar de sua prole.

Os casais são monogâmicos, ou seja, as aves que possuem apenas um parceiro até o fim de sua vida.

Quando se reproduzem, a fêmea costuma colocar em torno de seis ovos e durante a incubação, os pais se alternam.

A incubação dura cerca de duas semanas. O revezamento acontece também para alimentar os filhotes.

Por sua vez, o ninho é feito pela fêmea da ave,que se utiliza de gravetos e folhas para abrigar seus filhotes.

A dependência dos pais dura cerca de três semanas. Depois disso, eles vivem por conta própria em seu ambiente natural.

Como criar alma-de-gato

Como criar alma-de-gato?

Devido se tratar de uma ave silvestre, o alma-de-gato não pode ser criado em ambientes domésticos por criadores.

Esta ave é protegida por lei e precisa de autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) para se conseguir criar a ave em cativeiro.

No geral, o IBAMA autoriza criar esta espécie em cativeiro quando é encontrada em alguma fiscalização para combater o tráfico de animais silvestres, onde os animais estão debilitados e retirados do seu habitat natural.

Porém, no caso da ave alma-de-gato não há muita procura na criação deste animal aqui no Brasil, visto as pessoas possuem ainda certo tipo resistência provocado por conta de expressões culturais das tradições que, geralmente, são locais e regionais como, por exemplo, as lendas que envolvem esta ave.

Quem se interessar em criar esta espécie é aconselhável promover este animal um ambiente saudável que seja semelhante ao seu habitat.

Além disso, é essencial manter o ambiente limpo e higienizado diariamente para manter a saúde e bem estar deste animal.

Alimentação do alma-de-gato

Alimentação do alma-de-gato

O alma-de-gato possui uma alimentação diferenciada se compararmos a outras espécies de aves. O pássaro alimenta-se, principalmente, de insetos e pode, até mesmo, caçar lagartixas para se alimentar.

Sua busca por alimentos, mais uma vez, lembra o gato, com seu espírito caçador. Quando encontra uma folha, por exemplo, o alma-de-gato a examina bem atrás de seu alimento.

A ave pode ainda se alimentar de pererecas, frutas e até mesmo ovos de outras aves.

Por se alimentar de insetos, o alma-de-gato é muito útil para a agricultura, uma vez que ele come as pragas que atacam as lavouras.

Este é mais um motivo pela qual devemos proteger esta espécie de pássaro.

alimentação alma de gato

A lenda sobre o pássaro

Existe uma lenda na Amazônia sobre esta ave, na qual se acredita que ela pode prever a morte de alguém.

Caso você acredite em lendas, deve se preocupar caso o alma-de-gato venha aparecer em sua porta cantando.

Segundo a lenda, quando o pássaro canta na porta de alguém é porque esta pessoa irá morrer nos próximos dias.

Canto do alma-de-gato

O canto do pássaro é a sua principal característica: o som reproduzido pela alma-de-gato é muito parecido com o de um gato miando.

Além desta característica de seu canto, o pássaro é considerado debochado, na medida em que possui a capacidade de imitar o canto de diversos outros pássaros como, por exemplo, da ave bem-te-vi.

As Subespécies

Ao todo, a ciência e biólogos já conseguiram identificar 14 subespécies da ave alma-de-gato.

Este pássaro exótico está presente na America do Sul, principalmente em todo o território nacional brasileiro.

Neste sentido, as subespécies encontradas no Brasil são chamadas pela ciência de:

  • Piaya cayana cayana:é encontrado no vale do Orinoco na Venezuela, nas Guianas e também na Região Norte do Brasil;
  • Piaya cayana obscura:é encontrado no Brasil, principalmente na Região ao Sul do Rio Amazonas. Também é possível ver esta espécie na região entre os rios Juruá e Tapajós;
  • Piaya cayana hellmayri:é muito encontrado no Brasil, sobretudo ao sul do Rio Amazonas, na cidade de Santarém até a região conhecida como delta do Rio Amazonas;
  • Piaya cayana pallescens:é possível de ser encontrado na Região Leste do Brasil, nos estados do Nordeste como Piauí, Pernambuco, Bahia. Além disso, também é possível ver esta espécie na Região Central, principalmente, em Goiás;
  • Piaya cayana cabanisi:é possível de ser encontrado na Região Centro-Oeste do Brasil, sobretudo, nos estados como Mato Grosso e Goiás;
  • Piaya cayana macroura:é possível de ser encontrado na Região Sudeste do Brasil. Também se consegue ver esta espécie na América do Sul nos países como Paraguai, Uruguai e Argentina.

Por fim, as subespécies encontrada na America Latina e Central são catalogadas pela ciência por meio dos nomes de:

  • Piaya cayana mehleri:é muito encontrado em países como Colômbia e também na Venezuela;
  • Piaya cayana mesura:é encontrado também na Colômbia e no Equador;
  • Piaya cayana circe:é possível de ser encontrado apenas na Venezuela;
  • Piaya cayana insulana:é muito encontrado apenas na ilha de Trinidad;
  • Piaya cayana mogenseni: é encontrado em países como a Bolívia e Argentina;
  • Piaya cayana mexicana:é possível de ser encontrado no México, principalmente em regiões próximas ao Oceano Pacífico;
  • Piaya cayana nigricrissa:é muito encontrado na Colômbia, no Equador e também no Peru;
  • Piaya cayana thermophila:é encontrado no México, Panamá, Colômbia e nas ilhas costeiras.

Saiba-Tudo-Sobre-a-Alma-de-gato

Considerações Finais

Até o momento, o alma-de-gato não compõe a lista de animais que estão em risco de extinção.

Talvez, isto se deve ao fato de que são aves que consegue sobreviver em quase todas as regiões do território brasileiro.

Além de possuir mais de 10 subespécies que foram catalogadas no Brasil e, principalmente, America do Sul e Central.

Porém, ainda é necessário fazer um esforço para que este bicho não tenha seu habitat natural destruído pelo desmatamento ilegal provocada essencialmente pelo ser humano.

Caso contrário, esta ave exótica que já faz parte da cultura popular corre o risco de se transformar em apenas uma lenda.

Gostou das informações sobre o alma-de-gato? Então compartilha o post com seus amigos nas redes sociais e deixa seu comentário abaixo!

Outros pássaros para você:

10 Comentários

  1. Moro em Viamão Rio Grande do Sul e seguidamente aparecem esses passros por aqui, so nunca consegui escutar seu canto, acho eles muito bonito , temos que preservar todas as espécies, sem se importar com lendas , pássaros livres sempre.

  2. Hj temos um bb alma de gato (provisoriamente).

    Achamos um alma de gato na esquina perto de cs, deve ter caido do ninho, estamos cuidando dele, alimentando com papinha de pássaro na mamadeira de passarinho, ovos de codorna, ração de pássaro, frutas q ela qse não come…

    Hoje vamos comprar os insetos, pq ela cresceu e já não quer mais a papinha…
    Mas cuidamos dela solta, vai para onde qser, inclusive em área aberta, p/ qdo estiver pronta voar livre e linda como deve ser.

    Obs. Já é o quarto passarinho q cuidamos assim, achamos na rua e cuidamos como seu pais… =)

  3. Acabou de aparecer um aqui no meu pátio, na frente da casa. Fiquei encantada, saí lá fora para ver, ele voou e depois cantou, bem na frente da minha casa.Mas eu menti foi abençoada com essa visita, não entendi como mau agouro.

  4. Infelizmente um passo lindo como esse deixará de ser visto na minha rua. A única árvore que ainda resta e que recebe a visita dele todos os dias, bem em frente a minha janela, no bairro Sion em Belo Horizonte, será suprimida. Estamos tristes! Um local seguro a menos, um refúgio a menos…

    É o mundo vai ficando triste. Com a grande maioria dos carros, cinzas e com as cinzas da Amazônia e pantanal q bolsonaro tanto queima.

  5. Neste exato momento tinha uma em uma jabuticabeira aqui em casa….eu não conhecia ,pesquisei e descobri que é uma alma de gato , ROLÂNDIA NORTE DO PARANÁ
    14/10/2020 …por volta das 15:30 lindoooo

  6. Moro em Copacabana rio de janeiro ladeira dos tabajara e apareceu um alma de gato na minha varanda no pé de tangerina mas confesso que fiquei preocupada por causa da superstição pois ele me encarou por uns 20 minutos sem se mexer . Voou embora e voltou no mesmo lugar por mas 3 vezes gostaria muito de manda a foto que minha neta tirou dele

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *