Agapornis Lilianae

Características e hábitos do Agapornis Lilianae

O Agapornis Lilianae é uma das nove espécies de pássaros que integram o gênero Agapornis.

Porém, saiba que, no Brasil, essa pequena criatura pode ser chamada por outro nome. A princípio, de Inseparável do Niassa ou periquito.

A fim de orientar curiosos e criadores de pássaros, reunimos aqui algumas informações importantes sobre o passarinho.

Enfim, conheça em detalhes as curiosidades, atributos físicos e hábitos de cativeiro desse pequeno papagaio.Agapornis Lilianae e a ameaça de extinção

Qual é a origem do Inseparável do Niassa?

O habitat natural desse pássaro está localizado a milhares de quilômetros, em outro continente. Apesar de ter chegado ao Brasil há vários anos, a espécie não é originária daqui.

A África é o continente que abriga o ecossistema de origem desse papagaio.

Afinal, o Lago Niassi, que é o habitat dessa espécie, fica localizado entre os países de Malawi, Tanzânia e Moçambique.

Agapornis Lilianae

Agapornis Lilianae e a ameaça de extinção

Segundo a União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais, esse animal corre risco se tornar extinto.

Resumindo, isso significa que a população em habitat natural tem diminuído nos últimos anos.

Quatro são os fatores que tem transformado a realidade desses periquitos na natureza africana. Primeiro, algumas espécies invasoras têm tomado conta dos territórios e caçado os Inseparáveis do Niassa.

Em segundo lugar, a inundação dos rios e lagos da região afetam sua rotina e capacidade de reprodução.

Além disso, os agricultores locais consideram a ave uma praga, dizimando ainda mais sua população.

Por último, a caça dos Agapornis Lilianae é o principal fator de risco para essa espécie. Ou seja, esses pássaros, considerados “de gaiola”, são capturados e vendidos, em países africanos e em todo o mundo.

Características e hábitos do Agapornis Lilianae

Características e hábitos do Agapornis Lilianae

Essa espécie, de plumagem diversa e colorida, possui atributos em comum com os outros animais do mesmo gênero.

Contudo, algumas diferenças devem ser ressaltadas para melhor compreensão sobre esse pássaro.

Agapornis Lilianae

Descrição física do pássaro

O tamanho do Inseparável do Niassa pode variar entre 13 cm e 15 cm. Por conta disso, o menor papagaio da África pode pesar entre 28 e 37 gramas, em média. Além disso, a aparência física é semelhante entre fêmeas e machos.

A coloração da plumagem dessa espécie pode variar de acordo com cruzamentos e mutações genéticas. Predominantemente, os periquitos podem ter as seguintes cores, com tons variados:

  • Azul;
  • Verde;
  • Laranja;
  • Amarelo.
Agapornis Lilianae
Foto: Reprodução.

Comportamento e curiosidades sobre o Agapornis Lilianae

Estes papagaios são considerados sociáveis, pois apreciam a companhia de animais de sua espécie. Por isso, é possível vê-los se deslocando em bandos pequenos ou grandes, interagindo entre si, emitindo sons característicos.

O local de descanso dos Agapornis Lilianae costuma ser dentro das árvores ocas. Além disso, até 20 aves podem se reunir em um único espaço. Aliás, comportamento pode ser visto em cativeiro ou em seu ecossistema natural.

Os animais que mais se assemelham aos Inseparáveis do Niasa são os papagaios chamados Agapornis Fisheri.

Embora algumas pessoas saibam dizer a diferença, muitos ainda confundem essas duas espécies.

O papagaio africano em cativeiro

Como dito anteriormente, essa é ave uma bastante popular.

Por ser alegre, pequeno e de aparência colorida, muitos criadores tem interesse nesse pássaro.

Como criar a espécie Agapornis Lilianae

Geralmente, esses papagaios são criados e cruzados também com as aves Agapornis Fisheri. Além disso, se alimentam de gramas e sementes, como o painço.

Acima de tudo, podem se tornar animais muito dóceis, quando humanos mantêm relações com a espécie.

A princípio, em cativeiro, os periquitos dessa espécie podem viver até 20 anos.

Alguns especialistas apontam que a primeira reprodução dessa espécie pode ser problemática. Neste caso, a recomendação é de que você comece sua criação com papagaios adultos.

Período e detalhes sobre a reprodução das aves

Em seu ecossistema natural, as Agapornis Lilianae podem se reproduzir durante períodos específicos.

Principalmente entre os meses de janeiro e julho e em setembro, dependendo da região em que a ave está localizada.

Quando criadas em cativeiros, alguns estimam que seu período de reprodução possa ocorrer entre janeiro e fevereiro.

No entanto, pode haver ainda reprodução durante todo o ano, dependendo das condições do local.

Esses pequenos papagaios constroem ninhos de tamanho volumoso em árvores ocas. Inclusive, essas estruturas podem conter pedaços de cascas, caules e ramos.

O Inseparável do Niassa pode gerar entre três e oito ovos, com tempo de incubação de 22 dias.

Porém, quando completam 44 dias, os filhotes já começam a sair do ninho e a se alimentarem sozinhos.

Outros pássaros para você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *