Galinha Canela-preta

Canela-preta

Canela-preta é uma raça de galinha doméstica nativa do Brasil e mais comum na região Nordeste.

Ainda, esses animais possuem relevância cultural.

Então, venha saber por que a galinha da canela-preta que põe ovos coloridos é autenticidade no interior do Piauí.

Qual a origem da canela-preta?

Essa ave também é conhecida como galinha jacu e surgiu, pela primeira vez, no estado do Piauí.

Contudo, essa raça descende de espécies que os portugueses trouxeram para o Brasil. Por exemplo, esse animal está presente em comunidades quilombolas, indígenas e em pequenas propriedades rurais.

Características da canela-preta

A crista dessa galinha é do tipo serra ou noz na cor vermelha ou escura e os olhos são vermelho-alaranjados, amarelos, marrons ou pretos.

Enquanto o bico é amarelo ou escuro, as penas são lisas e escuras, as patas não têm plumas e as canelas são predominantemente pretas.

No entanto, o pescoço pode variar entre o branco, o negro e o dourado, por fim, em média, as fêmeas pesam 1,89kg e os machos 2,2kg.

Uma ave com ótimas qualidades

A canela-preta é rústica e depende de poucos insumos, o que faz dela uma boa opção para a produção sustentável, especialmente para a agricultura familiar.

Da mesma forma, essa raça está dentro das exigências do padrão comercial de aves no Brasil.

Então, veja este vídeo para saber mais sobre essa galinha do estado do Piauí:

YouTube video

A importância econômica da canela-preta

Essa raça de galinha exótica se adaptou muito bem ao bioma e ao clima da região Nordeste. Desse modo, ela pode viver em condições de criação tradicionais.

Por isso, trata-se de uma alternativa viável para complementar a renda de famílias e pequenos produtores rurais pelo seu baixo custo de manutenção.

Uma raça de ave legítima

A canela-preta é uma ave nativa do Brasil que já teve o seu reconhecimento oficial como tal.

Portanto, houve a confirmação de que essa é uma galinha legítima de raça caipira, que põe ovos de coloração amarela, vermelha, azul e esverdeada.

No entanto, os pesquisadores pretendem, por meio de cruzamentos, melhorar ainda mais a genética dessas aves.

Imagem de uma galinha canela-preta em um galinhero
A canela-preta é de médio porte e uma espécie muito rentável como criação, tanto pela sua carne como pelos seus ovos. Imagem do Portal G1

Como é a criação da galinha canela-preta?

Os avicultores nacionais direcionaram a criação dessas galinhas caipiras para a produção de ovos, e conseguiram uma ótima produtividade, graças às linhagens selecionadas.

Além disso, a demanda no mercado é um incentivo para investimentos nos negócios para oferecer produtos de qualidade e diferenciados.

Por que iniciar uma criação de canela-preta?

Empreender na criação de galinhas caipiras poedeiras é um jeito rentável e promissor de ter sucesso no mercado.

Portanto, quando os manejos alimentar e sanitário das aves são adequados, o avicultor obtém ótimos resultados.

Ainda, para pequenos agricultores familiares, essa espécie é fonte de alimento rico em proteína, além de garantir bons lucros em feiras locais.

Qual o sistema de produção da canela-preta?

O sistema de produção para a criação dessa ave é o tradicional.

Ou seja, um regime extensivo onde o criador oferece milho no início e ao final do dia.

Então, o restante da dieta é com vegetação nativa.

O tratamento é caseiro, com o uso de limão na água para prevenir o gogó e pasta de mastruz para contusões e ferimentos.

Além disso, o alho serve para tratar infecções de garganta e as cinzas de plantas locais para combater piolhos.

Uma ave boa para a culinária

Essa raça possui uma carne escura e com um sabor próprio, mas o macho castrado é o mais utilizado nas receitas, chamado de “Capão”.

Desse modo, ele se diferencia das fêmeas pelo porte maior e possui um papel importante na culinária regional depois de passar por um processo de engorda.

Imagem de uma galinha canela-preta em um galinheiro
A canela-preta é uma ótima poedeira e muito procurada pela sua carne saborosa. Imagem da Universidade Federal do Piauí

Receita deliciosa de canela-preta ao molho

Essa receita é um prato tradicional na culinária piauiense muito saborosa e fácil de preparar.

Além de uma galinha caipira da espécie, você vai precisar de:

  • 1 tomate médio;
  • 1 cebola branca média;
  • ½ pimentão verde;
  • Alho a gosto;
  • 1 colher de sopa de corante;
  • 1 pimenta de cheiro.

Tempere a galinha com sal e pimenta do reino a gosto.

Então, refogue uma parte da cebola, o alho, o corante e a ave. Logo em seguida, junte o tomate, o restante da cebola, o pimentão e a pimenta de cheiro.

Coloque meio copo de água e cozinhe por cinco minutos. Por fim, deixe meia hora na pressão e finalize com cheiro verde.

Que tal um pirão para acompanhar a galinhada?

Essa receita de galinha ao molho pede um arroz branco, mas não pode faltar também um pirão.

Portanto, com o caldo da ave ainda fervendo, molhe 200 gramas de farinha de puba em outra panela e mexa até atingir a consistência desejada para acompanhar a receita da galinha canela-preta:

YouTube video

Tradição e sabor da galinha

A canela-preta cresce mais que outras galinhas, tem uma carne mais macia e uma quantidade maior de gordura.

Por exemplo, nas festividades do Piauí, quando há um batizado ou um casamento na zona rural, o galo capão é um diferencial dos quitutes.

Porém, o segredo do sabor dessa ave está na sua criação, que além de ser caipira, come capim, grilos e minhocas, à moda antiga.

A galinha canela-preta é patrimônio do estado do Piauí

A Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) aprovou a Lei Ordinária nº 18/2021, que declara essa galinha nativa como Patrimônio Histórico, Cultural e Genético piauiense.

Dessa forma, o projeto da deputada estadual Elisângela Moura (PCdoB), sancionado pelo governador Wellington Dias (PT), elevou o status dessa ave exótica.

O pioneirismo na criação da galinha caipira

O município de Queimada Nova é a capital da canela-preta, pela tradição pioneira na criação e grande quantidade de aves, principalmente em comunidades tradicionais.

Por exemplo, a comunidade quilombola Tapuio e a indígena Cariri Serra Grande são referências.

Então, essas ocorrências ajudaram para que fosse aprovado projeto que institui a galinha da canela-preta como patrimônio do Piauí.

Estamos muito felizes com a sua leitura até aqui e esperamos que você tenha aprendido bastante sobre a galinha canela-preta.

Porém, ainda temos um convite para lhe oferecer.

Então, explore a nossa página sobre pássaros exóticos e saiba mais sobre outras espécies de aves muito interessantes.

4/5 - (4 votes)

Outros pássaros para você:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *